Idealização I

Eu sempre IMAGINEI que o amor fosse algo leve, alegre...  
Sempre romantizei demais o amor. Idealizava sempre duas pessoas juntas e felizes.
Brincando... sendo um para o outro o melhor amigo, o abrigo nos dias chuvosos...
Imaginava sempre, aquele abraço gostoso, que faz esquecer o resto do mundo.

Eu sempre ACREDITEI que se duas pessoas se amassem e estivessem juntas, nunca seriam infelizes. 
Que elas nunca se fariam mal. Que haveriam só sorrisos, cumplicidade e felicidade.
Imaginava, o café da manhã juntos, as mensagens trocadas ao entardecer. O telefonema sem aviso, que nos arranca aquele riso bobo. Manisfestando a saudade, a ansiedade pelo cair da noite..

Eu sempre GEREI esse sonho dentro do coração. Uma paixão com essência de amor, que seria meu norte. A minha sorte, o meu ar, meu respirar. O amor e eu, uma dupla invencível.
Os olhares que nunca se perdem, os pensamentos interligados; os corações batendo no mesmo ritmo.
As mãos sempre entrelaçadas... 

E... de tudo que IDEALIZEI, não errei. Errante é quem não sabe amar.
Nanda Olliveh

Comentários

  1. Sim, querida!
    Não sofremos por amor, às vezes sofremos poque não sabemos amar...

    Bjs e ótimo fim de tarde!

    https://palavrandoels.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Gostei, gostei muito do teu poema!


    Beijinhos de boa noite

    ResponderExcluir
  3. Você é linda preciosa, por fora e por dentro. Muito justo e belo sonhar assim, com essa pureza de coração e doçura de sentimentos. A perfeita adequação, a estreiteza de olhar na mesma direção, mesma sintonia de ideias, sonhos, planos. Afinidade nos gostos. A emoção no relacionamento, a surpresa, o acarinha mutuo, o outro como motivo, meta, motivo das conversas, citações, xodó, motivação. O problema não é seu, você é perfeita, é a solução, o problema é do mundo artificial, patético, estereotipado, sem imaginação. E ai, Idealização I, gostei dessa novidade. E o Imaginação II, próximo capitulo, agora fiquei curioso. Beijos, princesa.

    ResponderExcluir
  4. Nanda,eu acredito muito quando amamos e que esse amor será eterno,o meu no momento está sendo,mas muitas vezes a incompatibilidade de idéias ou ações,não unem definitivamente um casal ,podem até achar que são iguais,mas no fundo existe algo que não compactuam um amor mútuo.Que bom ser o seu completo
    e de sonhos realizados;acredite sempre nesse amor,pois vale muito viver ao lado de quem se ama e eu sou cátedra no assunto.rs
    Adorei ler.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir

Postar um comentário