O amor verdadeiro não tem preço

Não tem preço ter um amor verdadeiro. Um alguém que esteja com você, nos melhores e também nos piores momentos... que te acorde com um beijo de bom dia, que te espere no final do dia.
Que se preocupe em saber como você está, que deite contigo após o jantar... que te pergunte como foi seu dia, não tem preço essa alegria.
Vale muito mais que ouro, a lealdade de alguém, a felicidade de saber que alguém te ama, te entende, te compreende...
O amor verdadeiro é como uma pedra preciosa, que deve ser guardada num cofre, com uma senha bem difícil de se decifrar...
"Deve ser regado e cuidado, como aquela Rosa do Pequeno príncipe, sabe?".
.. Valorizado, apreciado, protegido... O amor crescerá, florescer e dará doces frutos ao longo dos anos...
Se encontrares um amor verdadeiro... valorize, priorize... construa, não destrua.
Porque se você tem um amor verdadeiro... você tem um tesouro.
Nanda Olliveh

Comentários

  1. Como sempre, amo os teus escritos! Parabéns

    Beijinhos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Querida Nanda
    Um Feliz 2017.
    O seu poema é uma bela chamada de atenção! Há que preservar um grande amor!
    Gostei imenso. Parabéns.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  3. É tanta candura nos teus versos, tanto sentimento, chega a ser comovente. De um sentimento puro, simples, direto, sem complicação. Amor na sua forma mais pura. Amor surpreendente, hoje em dia, amor como antigamente. Amor flores, caixa de chocolate, serenata, abrir a porta do carro pra princesinha entrar, o galante acompanhante puxar a cadeira no restaurante pra daminha sentar, amor nas coisas mais simples e corriqueiras, amor presente simplesmente, amor atencioso, amor tanto que não se envergonhe de se parecer com um conto de fadas, que enalteça a pessoa amada, amor admiração. Uma lindeza de versos. romântica companheirinha. Beijos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário