7 de outubro de 2016

(...)

"... amar de verdade, também é aquela coisa de que não tem para ninguém... a pessoa chega preenchendo todos os espaços... é amor, é amigo, é amante... é o colo quentinho, a mão que faz um carinho, o beijo que desperta o desejo... os braços que se tornam ninho, e tudo mais que se possa ser.

 Desconfio desses amores por aí, rasos, raquíticos... que fazem chorar, sofrer... que humilham, diminuem... na minha concepção, o amor vem para somar. Somar dois corações, dispostos a serem felizes.''

Nanda Olliveh

4 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

O amor é isso:Amar,somar e dividir,doando-se mutuamente.
Lindo Fê!
Bjs-Carmen Lúcia.

Cidália Ferreira disse...

Que terno! Amei

Beijo, bom fim de semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Maria Rodrigues disse...

O amor só prevalece quando dois corações batem em plena sintonia.
Lindo!
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Fábio Murilo disse...

Como disse, se é pra amar que seja só pra somar, só mar, uma inundação de paixão, de atenção, de afeto, um transbordar, uma enchente. Nada de represar sentimentos, emoção, de contenção já basta o dia a dia cheio de contrariedades, de tensão, por isso ou aquilo. Amar é relaxar, é se entregar, deixar-se permitir, aproveitar as horas felizes. É só por isso que vale a vida, dessa disposição de acarinhar, dessa intenção do outro, de aproveitar ao máximo e de fato o melhor que ela tem pra dar. Otimooo, Fê! Uma lindeza de poesia, com uma pureza e nobreza de sentimentos. E que linda fotinha, bem menina-mulher. Beijos!

Visitantes.

Marcadores.

Poema (196) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.