1 de outubro de 2016

(...)


Nem sempre recuar, é um sinal de covardia.
Às vezes simplesmente não se está feliz, e é necessário refazer o caminho.

Nanda Olliveh

3 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Adorei...Parabéns :-)

Bom Domingo, beijo.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Grande verdade Nanda!
Muitas vezes recuamos,para voltarmos mais energizados.
Bjs-Carmen Lúcia.

Fábio Murilo disse...

Nada demais recuar, desistir. Pior é insistir numa coisa que não dá mais, ficar marcando passo, andando em círculos, forçando a barra. É perca de tempo, desperdício. É como marchar pro propicio sabendo. Podemos mudar de opinião, quando já não estamos satisfeito, não há mais razão pra ficar. Recuar, as vezes, é avançar. Beijos, Fê.

Visitantes.

Marcadores.

Poema (198) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.