17 de agosto de 2015

Distância


A distância pode me impedir de lhe sentir...
O silêncio pode me impedir de lhe ouvir...
O orgulho pode me impedir de lhe ver.
Mas nada poderá me impedir de amar você.

... Momentos de intensidade, que hoje são relembrados com saudade...
Maldade que maltrata o coração... que chora calado,
 molhando meu rosto, com lágrimas quentes... que rolam querendo encontrar o seu...
E lhe acarinhar com a ponta dos dedos... ascendendo em você,
A vontade de mais um beijo.

... e quando chega a noite sinto falta do seu calor, do seu amor...
Do seu olhar, das suas mãos carinhosas...
Sinto um frio interior, que apenas dizem-me, da minha vontade de
Com você... fazer-se amor.


Nanda Olliveh

8 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Nada impede esse grande amor.
Lindo Nanda.
Bjs e uma ótima semana.
Carmen Lúcia.

Lilly Silva disse...

Que lindo Nanda!!!Então:
"Mas nada poderá me impedir de amar você."
É perfeito!!!
Bjus amiga

http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

Fábio Murilo disse...

O sentir é assim, não há meio termo possível, é sentir ou sentir. Não há um botãozinho de ligar e desligar a emoção. Que fabrica uma ponte invisível sobre o abismo, sobre o espaço noturno e sem fim. E não obedece a regras, nem convenções sociais. Gosta-se apesar da distancia, diria mais, gostasse ainda mais. Além da razão, o sentir não tem explicação possível, Inútil tentar entender os mecanismos da paixão, explicar o sem sentido. O coração a voar, independente da nossa vontade, feito um balão. Mais uma ótima produção, menina sentimento. Beijo!

Cidália Ferreira disse...

Poema Lindo demais!! Parabéns pela inspiração que, pode muito bem ser realidade.

Espero-te :http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

beijinhos

Douglas Álisson disse...

Olá, gostei muito do blog. Parabéns! :D
Também tenho um, onde coloco alguns de meus poemas. Poderia dar uma olhada?
http://wordsbyalonelyguy.blogspot.com.br

Douglas Álisson disse...

Nanda, vou colocar seu blog na parte de "Blogs Recomendados" do meu, ok?

Samuel Balbinot disse...

Bom dia querida Nanda..
o amor tem suas maneiras de nos atar a outra pessoa..
ele sabe da fórmula mais que nós que muitas vezes ficamos a brigar com os sentimentos.. bjs e feliz sempre

Joanderson Oliveira disse...

Oi Nanda! Como vai?
Ahh que belo texto! Tão cheio de afeto e carinho! Lindo.

http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

Visitantes.

Marcadores.

Poema (198) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.