24 de abril de 2015

Presença


Sua presença está em todas as canções que ouço...
Sua presença está no sol que me ilumina, no ar que respiro,
Nas gotas de chuva que molham o meu corpo,
No vento que toca o meu rosto.

Lhe amar....
Ah, lhe amar...
Era tudo que eu queria nesse momento.
Estar ao seu lado, envolvida em seu abraço perfumado
Sorrindo para você sem nem antes pensar
No que poderia acontecer.

Apenas render-me aos seus apelos...
E embalados pelo som do amor,
Dançarmos juntos, a dança dos nossos quereres.

Nanda Olliveh

4 comentários:

Fábio Murilo disse...

Isso tudo que disse é lindo! Essa ânsia, essa busca do ser amado, querido, almejando em sonhos, canções ouvidas. Como é doce essa emoção, a saudade, o desejo incontido que vale toda uma vida. Já se é felizes por antecipação, pela simples razão de saber que em algum lugar esse alguém existe, consubstanciado no ar, no sol, na chuva... No lembrar. Lindo poema, posso dizer, seguramente, um dos mais lindos e perfeitos que já li por aqui, linda música escolhida, também, combinou perfeitamente. Beijos, Fê!

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Nanda
Quanto se ama., vimos o amor em tudo- Lindo de mais.


Tenha um sábado feliz
Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Nanda.
Belíssimo.
Como é bom ter a pessoa a quem amamos do nosso lado, uma vontade que não passa, que aumenta a cada segundo conforme amamos mais.
Nem sempre é possível e o fazemos em pensamento, o que alivia o nosso querer, mas dói demais também.
Tenha um fim de semana de paz.
Beijos na alma.

Paulo Francisco disse...

Isso é presença à flor da pele. Ou seria na alma?
beijogrande

Visitantes.

Marcadores.

Poema (198) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.