16 de fevereiro de 2015

Felicidade (Reeditado)


Felicidade é ter-lhe aqui.
É poder sua voz ouvir...
Quando você diz que me ama,
Meu coração de amor se inflama.

 E faz-me sentir o calor desse amor.
A felicidade reluz em minha vida,
E deixa-me assim tão envolvida.

A felicidade invade-me
Quando ouço a nossa doce canção.
Maravilhosa sensação...
Sinto acelerar meu coração.

Dá vontade de estar em seus braços
E lhe amar.
Sim, lhe amar...
Sentir você acariciar-me...
Ver-me em seu olhar.

Porque quando estou ao seu lado meu amor...
Sinto-me feliz e completa.
Sem precisar de reservas...

 Nanda Olliveh

5 comentários:

Maria Rodrigues disse...

Um poema pleno de amor que transmite uma imensa felicidade.
Parabéns pela poesia e pelo seu lindo cantinho. Irei acompanhar a sua divagação pela Net.
Beijinhos
Maria

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

É sempre muito bom reler novamente essa poesia maravilhosa.
Lindo amiga Nanda
bjs-Carmen Lúcia,

Ricardo- águialivre disse...

Maravilhoso...Quando o coração sente amor...a felicidade acontece

.............................
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Cidália Ferreira disse...

Olá Nanda, puxa, tive que adicionar de novo ao meu blogue... não recebia nada, não sei que aconteceu!!

O teu poema é lindo de mais.... é tão bom quando existe amor no coração, tudo fica mais colorido.

Gostava de receber a tua visita

Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Fábio Murilo disse...

Seus poemas sempre doces e otimistas, Fê, que fazem sonhar, acompanhados de uma musica bem apropriada, sempre. Passar por aqui é relaxar, ler seus escritos encantadores e inspiradores, que falam das coisas do coração. Do lado bom da vida, de como ela deveria ser o tempo todo.

Visitantes.

Marcadores.

Poema (196) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.