12 de agosto de 2014

(...)

Como é bom ver as pessoas felizes no amor,
Considerando que ser feliz no amor 
é uma arte que poucos sabem praticar.
Fico imensamente feliz,
quando vejo um casal sorrindo juntos... 
com naturalidade... 
sem mágoas no olhar.
Com sorrisos ternos de quem soube alimentar o amor...
afastando a dor.

Nanda Olliveh

21 comentários:

Fábio Murilo disse...

É um momento mágico, um acontecimento. Tão normal e, ao mesmo tempo, tão inédito. O mundo anda tão complicado e um casal abraçado é um alento, uma cena inspiradora, que ainda enche a todos de encantamento. É uma prova de resistência, que nem tudo tá perdido apesar de tanto ódio cotidiano, tanto desencanto, tanto ressentimento, tanta dor que dilacera e corroí... Amar é uma arte, viver é uma arte, só o amor constrói. Que bom, Fê, que voltou a brindar a todos com suas belas poesias, Obrigado. Beijos!

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

É lindo demais ver que duas almas que se encontram e se amam
até uma eternidade.
bjs amiga Nanda.
Carmen Lúcia.

Nanda Olliveh disse...

Obrigada amigo pela visita!
Muito boa a sua colocação!


Nanda Olliveh disse...

É verdade amiga Carmem!
É bom ver o amor reinando...

Beijo! Beijo!

Beatriz Bragança disse...

Querida Nanda
Imagem muito sugestiva!
Saber amar e manter eternamente esse sentimento...é uma Arte!
Desejo Amor e Felicidade a jorros.
Um beijinho
Beatriz

Nanda Olliveh disse...

Obrigada amiga Beatriz!

Beijinhos carinhosos!

Daniel Costa disse...

Verdade Nanda, nada mais bonito do que ver a felicidade dum casal, eles parecem um para de rolas a arrolar, Acertado o romantismo do teu poema!

Beijos

Bell disse...

Lindo mesmo e tão raro nos dias de hj...

bjokas =)

Marilene Domingues disse...

Boa tarde doce menina,
Estava com saudades daqui e de ler teus lindos poemas.
Concordo com você, não tem coisa mais gratificante quando olhamos um casal e conseguimos ver a felicidade, o companheirismo e a amizade que eles compartilham.
Deixo meu carinho em forma de um abraço bem apertado.
Marilene

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Nanda

Que poema maravilhoso, com uma imagem fantástica. Amei
Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Rita Sperchi disse...

Linda Fernandinha td lindo por aqui
e tenho boas noticias, foi sorteada no
meu blog é uma as ganhadoras, depois pego
seus dados e combino td abraços

Bjuss de boa noite
✿ (¸.•`Rita ¤ (¸.•✿

Augusto Sperchi disse...

Oi Nanda!
Fiquei sabendo que vc foi uma finalista do sorteio da Rita. Parabéns!
Suas palavras demonstram sua sensibilidade e sua hombridade em ser feliz pela felicidade dos outros. Este é o verdadeiro amor que podemos sentir pelo próximo.
Um grande abraço!

Nanda Olliveh disse...

Obrigada pela visita amigo Augusto!
Fiquei super feliz por ter ganhado, rs

Nanda Olliveh disse...

Eeeeeeeeeeeeeeeeeeee que sorte!
Rs... Tá certo amiga Rita!

Beijos!

Evanir disse...

Venho pedir seu voto
se achar que eu mereço.
Ou até mesmo pode não gostar de participar
desses eventos nos blogs.
Eu entenderia também,
mais quase não tem mais
brincadeira entre blogueiros.
Acabei por aceitar .
O endereço de votar.
http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/
È complicado pra mim pedir voto,
mais garanto essa vez será a última.
Beijos da Dinda.Evanir.
Quero voltar ao Rio logo.

vendedor de ilusão disse...

Nanda, amar é Divino, sem dúvida!
Beijos e apareça.

Bandys disse...

Olá Nanda,
O amor é uns dos mais sublime
sentimentos. Amar é uma arte e a obra prima
somos nós que amamos; Lindo poetar.
Beijos

Lu Nogfer disse...

Belíssimo poema Nanda.
O amor é o maior dos sentimento que so conhece que sabe conjuga-lo!

PS. Querida, ja com atraso venho agradecer a tua presença em minha participação no Prosas Poéticas e também parabeniza-la pela tua linda participação.
Parabéns e muito obrigada!

Beijos .

Evanir disse...

Querida Afilhada.
Foi com alegria que vi seu comentário no meu blog
além das saudades existia também minha preocupação contigo.
Madrinha e amiga de verdade se preocupa amada menina.
Vou levar o link do seu blog para colocar vc lá minha afilhada querida.
Ore por mim se conseguir publicar meu segundo livro nos encontraremo s na Bienal no Rio novamente.
Por favor me manada pelo meu email seu telefone se ainda tiver fixo mande também.
Eu preciso do seu endereço para enviar seu mimo de Natal afilhada.
Um abençoado ano Novo.
Que Deus te abençoe sempre minha doce afilhada.
Beijos da madrinha.
Evanir.

Bandys disse...

Não tem postado?
Que pena , gosto muito das tuas poesias.
Beijos Nanda

Laura Santos disse...

Tão simples e tão profundo. Porque a vida apenas precisa é de simplicidade.
Que bom ver um casal que se ama e continuará a amar-se, apesar das dificuldades
que a vida lhes põe no caminho. Acredito que o amor, se verdadeiramente o é,
resiste a tudo, e apenas sufragará na eternidade as pressupostas debilidades.
Tudo o que escreves é lindo, Nanda.
xx

Visitantes.

Marcadores.

Poema (196) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.