2 de dezembro de 2013

Eu lhe peço só mais um minuto...

Não vá agora eu lhe peço...
Eu lhe peço só mais um minuto.
Só mais um minuto das suas palavras
Só mais um minuto do seu carinho...

Dê-me só mais um minuto e juntos fiquemos a observar o infinito.
Eu lhe peço só mais um minuto da sua atenção
Só mais um minuto pra eu sentir as batidas do seu coração
Só mais um minuto dessa gostosa sensação
Da sensação de sentir a sua paixão.

Não vá agora eu lhe peço...
Eu lhe peço só mais um minuto.
Pode ter algum perigo lá fora
Deixa-me lhe guardar em meus braços,
Dá-me só mais um minuto dos seus abraços.

Dê-me só mais um minuto pra eu matar a minha sede.
Eu lhe peço só mais um minuto recostada em seu peito
Só mais um minuto de você em mim, de mim em você.
Só mais um minuto pra eu te fazer feliz
Só mais um minuto pra eu lhe mostrar que sou o que você sempre quis.

Não vá agora...
Eu lhe peço só mais um minuto amor...

Nanda Olliveh

12 comentários:

Rita disse...

Bom dia dessa terça feira de chuva!!!!
Minha visita hj é para agradecer o carinho
que teve comigo e a bela mensagem que
deixou meu coração mais tranquilo parabéns
pelo belo post, pois a sua amizade é muito
importante pra mim bjussss

Abraços de sempre

└──●►Rita!

Cidália Ferreira disse...

ADOREI!

Beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Bell disse...

Que lindo Fe.

bjokas =)

Ricardo- águialivre disse...

Acredito que terá esse minuto..bem agrupado em outros minutos de amor e felicidade

Deixo abraço
***
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Élys disse...

Que você seja atendida sempre com muita ternura.
Lindo poema!.
Beijos.

Dilmar Gomes disse...

Lindo, lindo, lindo, Fernanda. Muita ternura neste poema.
Um abraço. Tenhas uma linda tarde/noite.

Fábio Murilo disse...

Um minuto de amor é uma eternidade pra um coração apaixonado. A espera contam horas, contam eras de demora. E uma vez o ser querido nas mãos não se quer abrir mão, quer-se, egoisticamente, engaiolado como a um pássaro, para o nosso deleite e contemplação a enfeitar o quarto.

Beatriz Bragança disse...

Querida Fernanda
Esse seu pedido insistente e poético,não vai ser ignorado.
Quem poderá resistir a um tal apelo?!!!
O amor é lindo,lindo!!!
Muitos parabéns.
Beijinhos
Beatriz

edumanes disse...

A amizade sincera o amor nos revela,
Minha amiga Fernanda Oliveira
A vida enquanto dura é tão bela
Melhor ainda se for na brincadeira.
Traz alegria, nos contagia
Em verdadeira união de amizade
Amigos sinceros para toda a vida
Vida tranquila, paz, sossego e felicidade!

Porque você me pede
Eu não me vou embora
Porque o amor acontece
A qualquer hora!

Te aguardo um momento
Quero um beijinho teu
Te guardo no pensamento
Juntar o teu corpo ao meu
Num abraço de amizade
Com carinho sincero
Sem qualquer maldade
Tudo o que eu mais quero
É a continuação da nossa amizade!

Boa tarde te desejo amiga Fernanda Oliveira
um beijo
Eduardo.

Bandys disse...

Um minuto as vezes vale uma vida!
Lindo poema!
De novo foi eu ter chegado ate aqui um dia...
Esbanje a luz intensa que mora dentro do seu peito e
diga aos céus que o tempo é de recomeçar e semear boas novas.
Fazendo sempre o melhor!
Crescendo e seguindo lado a lado no ano que esta chegando.
Feliz 2014! Quem tem que ser diferente é a gente o resto é tudo igual.
Beijos

Laura Santos disse...

Quando se ama parece que todo o tempo é pouco para sentir o que se sente. Como se todo tempo nunca chegasse...Um poema apaixonante, Fernanda!
xx

Donetzka Cercck L. Alvarez disse...

Que belo poema de amor,Fernanda!

Um minuto é muito tempo para quem se ama!

Seu blog continua nos meus favoritos,amiga.

Obrigada pela visita e uma semana de muita Paz!

Beijos

Donetzka

Face Book:


https://www.facebook.com/donetzka.cercck




Blog Magia de Donetzka


Visitantes.

Marcadores.

Poema (196) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.