29 de novembro de 2013

A estação do amor


(... ) Sentimentos foram surgindo.
Submergindo no coração
Fizemos de cada música a nossa canção.

Sintonizados pela emoção, nas ondas de uma rádio.
Viajamos juntos com o coração
Nos encontramos através da canção
Na nossa estação.
A estação do amor
... Nos primeiros momentos reprimimos sentimentos...
Por receio, medo de não ser o tempo.
O tempo certo de amar...
O tempo certo de nos entregar.

Escondemo-nos através de versos de músicas...
Quando na verdade queríamos nos dizer...
Confessar...

Usamos a poesia para demonstrar a nossa alegria...
Tornamo-nos poeta
Para viver uma magia
Quando na verdade nada era fantasia.

É sim a realidade do amor que em nós ancorou...
Querendo nos fazer navegar...
Aumentando em nós a vontade de amar
Ao sintonizarmos...
Na nossa estação...
A estação do amor

 Nanda Olliveh

14 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Lindos versos amiga Fernanda!
A sintonia tem que estar na mesma estação,onde o amor
resume-se em melodia à ser ouvida por dois corações.
bjs amiga e um ótimo final de semana.
Carmen Lúcia-mamymilu

Cidália Ferreira disse...

Poema lindo cheio de sentimento!
Música excelente.
Beijo, bom fim de semana

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Perfeita sintonia nessa estação de amor. Muita música, muita poesia nesse encontro... e o amor se fez. Lindo, menina amiga. Gostei. Beijossss.

Daniel Costa disse...

Fernanda, sintonizar uma rádio, uma estação, escutar música de fundo também é viver a poesia. E tua alma é bem de poeta, como o amor tem muito de poético.
Beijos

edumanes disse...

PARA FERNANDA OLIVEIRA.
Fim de semana domingueiro!
Amanhã vais estar mais suave
Como sou um bom cavalheiro
Nunca faço nada de muito grave
Venho aqui com boas maneiras
Como sempre educadamente
Com as minhas brincadeiras
Não desejo ser impertinente
Entro aqui em teu espaço
Com as mãos cheias de paz
Sempre tudo bem eu faço
Porque sou um bom rapaz
Por isso venho hoje e sempre
Te desejar bom fim de semana
Quem de quem saudades sente
A falta de quem o não engana!
Boa noite e bons sonhos
Beijinhos
Eduardo.

Fábio Murilo disse...

Fernanda, amar não tem tempo, nem tem hora marcada, acontece em qualquer momento, em qualquer lugar, o ato de amar. O tempo de amar é quando, é agora, quando se está sintonizado na mesma frequência, cantando a mesma musica.

Samuel Balbinot disse...

Bom dia Fernanda.. é através da música que muitos de nós encontramos o amor e o romantismo dentro de nós, para depois compartilhar com outros.. que tua sintonia com esta estação do amor sempre se mantenha ativa.. bjs amiga

Laura Santos disse...

O amor, a poesia e a música estão tão interligados. Por vezes não existe logo uma declaração de amor, embora o amor esteja acontecendo, e então nos declaramos às palavras e ouvimos as músicas que reflectem o nosso estado de alma.
Seu poema, retrata muito bem essa afinidade entre versos, música e amor.
Um poema encantador como sempre, querida Fernanda.
xx

Bandys disse...

Oi Nanda,
Que lindo. Eu adoro musica e muitas vezes ja me
declarei atraves de musicas.
Que essa estação do amor nunca perca a sensibilidade, o acreditar
e a fé.
Beijos e uma semana de luz e paz.
PS: menina, estava sem conseguir entrar no seu blog um tempão. Hoje pensei se não conseguir vou mandar e-mail. Afffff moça difícil... ou eu que sou loura, kkkkk. Mas saiba que estive aqui varias vezes.
Beijos

Nádia Santos disse...

É sempre maravilhoso amar e com música fica ainda mais encantador e apaixonante. Bjus querida.

Fê blue bird disse...

Amiga Fernanda:

Amar é estar em perfeita sintonia.
Adorei o poema e a analogia. Parabéns!

beijinho

Donetzka Cercck L. Alvarez disse...

Fernanda. Você ainda guarda o Sejam bem Vindos que fiz para você,amiga.

Que lindo isso.

Saudades de suas pérolas,amiga.

Estou ainda sem enxergar bem,pois quando operei tinha somente 20% de visão.


Não retornei totalmente,pois meu marido vai operar.


A pressão dele não estabiliza e ainda não pode fazer a cirurgia.

Programo alguns posts que entram automaticamente.

E venho sempre que posso liberar os comentários e agradecer,como faço com você agora.

Continua em meus blogs favoritos,amiga.

Beijokas e até breve

Linda semana!


Donetzka

Face Book:

http://facebook.com/donetzka.cercck

Blog Magia de Donetzka

edumanes disse...

Viajei num trem
Para a estação do amor
Encontrei também
Uma linda flor.

Na mão de uma menina
Poetisa apaixonada
Também no peito dela tinha
Uma rosa encarnada.

Na estação do amor
Para os olhos dela olhei
Tocou o apito o revisor
Os lábios dela não beijei.

Morena de cabelos pretos
Compridos muito lindos
Sem revelar os seus segredos
Até parece que os estou ouvindo.

Obrigado pela visita
Quanto à estação do amor
Estou sonhando com ela.
Boa noite e um beijinho
para ti amiga Fernanda Oliveira.
Eduardo.

Beatriz Bragança disse...

Boa tarde,Fernanda
Dois em sintonia,a olharem na mesma direcção=felicidade.
Que belo poema!É tão bom sintonizarem ambos a mesma estação!!!
Muitos parabéns.
Beijinhos
Beatriz

Visitantes.

Marcadores.

Poema (196) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.