Meu Amor

Meu amor por ti não é fogo de palha,
É  como chama ardente que não se apaga,
Meu coração se inflama quando de amor você me chama.

Teu carinho me traz alegria 
E á poesia me inspira...

Faço-te versos, componho pra ti canções,
Teu amor me desperta emoções...

Ao anoitecer penso em você, te vejo no brilho das estrelas,
Vejo teu nome escrito na lua, sinto a falta sua...

Imenso é o céu...
Talvez meu amor não seja tão grande e divino assim,
Mas sinto o amor em mim,
Você... É o meu amor.

Fernanda Oliveira

Comentários

  1. O amor faz tudo ser tão grande e poético, é como se estivéssemos em outro mundo, o mundo do coração! linda poesia, abraços

    ResponderExcluir
  2. Teu amor não é fogo de palha
    Mas é o teu calor que funciona
    humidade na fresca noite orvalha
    na oliveira a verde azeitona!

    Madura se pode comer
    azeite dela se faz
    mas verde gosto de a ver
    a crescer na oliveira, em paz!

    Não é fogo mas ilumina
    é saboroso tempero
    os teus olhos lindos menina
    nos lábios, teu sorriso sincero!

    Lindo, muito lindo, parabéns amiga.
    Um beijinho
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  3. Fernanda

    O amor é lindo, visto com o teu jeito especial. Havendo diversas formas de o ver, o teu modo óptimasta será o mais universal. Uma forma de o descrever com humildade e livre de preconceitos.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi Fernanda!

    Vim retribuir sua visita ao meu blog.
    Olha é muito lindo o seu blog.

    O amor é divino, é mágico.

    Linda poesia!

    Um bjo

    ResponderExcluir
  5. Passei, vi e gostei muito deste blog, parabéns...

    "Somos donos dos nossos atos, mas não somos donos dos nossos sentimentos. Somos culpados pelo que fazemos, mas não somos culpados pelo que sentimos. Podemos prometer atos, mas não podemos prometer sentimentos... Atos são pássaros engaiolados; sentimentos são pássaros em voo."

    https://www.facebook.com/MANOALVES2008
    http://inkdesignerstampas.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário