31 de janeiro de 2013

A Menina e o Poeta (1 parte)


                        
                     (Um conto de amizade, sensibilidade e admiração)
Minha inspiração hoje me contou a estória de uma menina que gostava muito ler.
Contos, e estórias poéticas eram suas leituras prediletas.
Em seu quarto havia uma estante com muitos livros, sua admiração pela leitura era notória, vivia criando estória se sentava com lápis e papel e passava horas escrevendo.
Sendo assim em seu aniversário, e em datas festivas o que mais ganhava eram livros; pois sua família e seus amigos sabiam do seu gosto pela leitura, sabiam que a alegrariam mais com livros do que com qualquer outro presente.

E aconteceu que a presentearam com um livro poético, onde ela encontrou poemas de grande sensibilidade, poemas que a encantaram. O autor daquele livro era realmente um grande Poeta, pois seus poemas despertavam o amor, alguns faziam chorar, outros faziam sentir mistas sensações.

Ao ler aquele livro ela provou de várias emoções... despertou na menina que era tão falante, e ao mesmo tempo tão tímida o desejo de escrever mais e mais...
Ao terminar de ler o livro que ganhara, sentiu o desejo de ter mais livros daquele Poeta que a deixou tão fascinada.

Correu a uma livraria e comprou mais alguns livros do autor que tanto a agradou. Ela se trancava no quarto e viajava com o livro na mão.
Ela se perguntava como podia aqueles escritos ter tocado tão profundamente seu coração; pois já havia lido vários livros, mas aquele se tornara seu favorito.
Houve um dia que a menina acordou, abriu a janela do seu quarto e beijada pelo sol que raiava, pensou, consigo.

- Ah, como eu gostaria de conhecer este Poeta de alma tão sensível, que me parece tão amável.
Assim ela ficou a pensar durante todo aquele dia.
Anoiteceu e a menina não tirava aquela ideia da cabeça.
Ela dizia:
-Ah, como seria bom poder falar com ele.
E ao mesmo tempo ela imaginava que isso seria impossível, e entristecia-se por alguns momentos...

Mas então de tanto pensar teve uma ideia:
- Será que eu conseguiria lhe mandar uma carta, ao menos para lhe dizer, o quanto gostei dos seus escritos?

Ela sorria só de imaginar, o quanto seria bom se conseguisse essa proeza.
Bem, passados alguns dias, pesquisando e pesquisando, ela conseguiu um endereço o qual a sua carta chegaria às mãos do Poeta.

O Poeta de alma sensível, já encantava muitos leitores com seus escritos, e recebia cartas cheias de elogios pelos sentimentos que despertava naqueles que liam o que ele escrevia.
Então a menina com muita inspiração escreveu sua carta, não se contentando pegou seu perfume e perfumou a carta e a enviou...
               

6 comentários:

edumanes disse...

Perfumada enviou
Ao poeta uma carta
Seu amor imaginou
A menina apaixonada!

Levava o seu perfume
Para o poeta se perfumar
Quando se aquecia ao lume
Numa noite fria de luar!

A menina a sonhar
Escreveu uma carta
Para ao poeta enviar
Por ele apaixonada!

Quando será que a menina
vai encontrar o poeta?

Boa quinta-feira para você,
amiga Fernanda Oliveira.
Um beijinho~
Eduardo.

Gracita disse...

Ei amiga!!!
E assim se conquista um leitor rsrs Tá parecendo professora que para a história no melhor momento. Ah! menina malvada! Quero muito saber a reação do poeta ao receber uma cartinha tão perfumada... Lindo amiga!!!!
Beijokinhas com ternura

Ives disse...

Olá! Estou esperando a continuação! Encontrar a poesia dentro de nóe é um encontro com o poeta já, acho! lindo inicio de texto, abraços

Evanir disse...

Lindo amiga estarei de olho para acompanhar suas postagens.
Um feliz final de semana beijos,Evanir.

SIMONE PRADO disse...

Miga desculpe não ando muito bem e preciso ter tempo para as coisas. Vou dar um tempo de net no máximo que eu puder, no momento vou ficar somente com o e-mail monsoresprado@hotmail.com, quando sentir saudade vc me encontra nele. As coisas não andam muito fáceis, estou um pouco cansada ...sabe que sua amizade é importante como a de tantas pessoas que conheci, e sei que vão compreender. bjim.

Severa Cabral(escritora) disse...

BOM DIA MINHA AMADA !!!!
SEU CONTO ME LEVA AOS DESEJOS DE LER A CONTINUAÇÃO DO QUAL ESTOU EM BUSCA PARA CONTINUAR ...ESCREVES DIVINAMENTE...
BJSSSSSSSSS

Visitantes.

Marcadores.

Poema (198) Frase poética (64) Meus Textos (21) Conto (10)

Amigos do Blogger.

Translate.