Voe..

Voe ao meu encontro Pássaro Querido...
Não tenhas medo de ser ferido,
Farei das minhas asas teu abrigo.

Voe ao meu encontro amor,
Não demore, por favor!
Meu coração em desespero estar a te esperar,
A saudade me invade, não me deixe morrer assim sem você,
Meu coração aflito estar a chorar...
As lágrimas cismam de em meu rosto rolar,  
E meus olhos embasar, e não me deixam nada mais enxergar.

Esse sentimento a me invadir, não me deixa nada mais sentir,
Do que a falta de ti.

Se sente minha falta, voe, voe...
Porque o amor não pode esperar.
A saudade não bate na porta,
Como as águas invadem o mar,ela deságua em meu peito,
E faz morada, e me deixa assim tão desesperada.
Voe, voe Pássaro meu...
Pois sinto muita falta do carinho teu
Voe...

Nanda Olliveh

Comentários

  1. Que linda poesia Srta! Há sentimentos que fazem grande poesias! abraços

    ResponderExcluir
  2. Fernanda Oliveira voltou
    Como sempre muito bonita
    Agradecendo aqui estou
    A sua sempre amável visita!

    Ao teu encontro a voar
    Vai um lindo passarinho
    Contigo se vai encontrar
    Ai no teu cantinho!

    Nos teus braços vai pousar
    No teu peito sossegadinho
    Vem de muito longe a voar
    Um lindo passarinho!

    Teus lábios vai beijar
    Com doce beijinho
    Teu amor está a chegar
    Junto do teu corpo quentinho!

    Bom domingo para ti,
    amiga Fernando Oliveira,
    um beijinho
    Eduardo

    ResponderExcluir
  3. Fernandinha querida
    por outros campos andou a voar
    e agora retorna ainda mais poética
    clamando com glamour pelo seu amor
    voe... voe embalada pela bela poesia
    em busca do seu magnífico amor.
    Saudades de ti minha amiga. Um ótimo finzinho de domingo.
    Beijinhos doces da amiga
    Gracita

    ResponderExcluir
  4. Bom dia!
    Fernanda... que lindo poetar!

    Gostei muito de seu blog.
    Abraços
    Sinval

    ResponderExcluir
  5. Fernanca

    Claro que a tua falta se fazia sentir. No entanto fui passando, até que foi compemsado com o teu belo poema de reabertura.
    Beijos amigos

    ResponderExcluir
  6. cheia de boas intenções....rsrsrsr..belo poema miga.


    As coisas aq estão um pouco complicadas, mas Deus com certeza nos dará forças pra passar pelo vale da enfermidade. bjim...tudo de bom miga.


    ResponderExcluir
  7. Hummmm belo poema.... de uma alam pura e linda!
    Obrigado pela visita!!!

    ResponderExcluir
  8. Boa noite minha querida !!!!!
    Saudadesssssssssssssssssssssssssssssssssss
    Vejo seu retorno muito mais inspirada e cheia de encantamento com mais um poema que te faz um luxo no poetar...
    bjsssssssss recheados de saudadessssssssssss

    ResponderExcluir
  9. Olá, amiga Fernanda!
    Poema belo e emocionante.
    É bom sentir que quem nos ama voa na flecha do Cupido com destino ao nosso coração.
    Parabéns pelo talento poético e obrigado pela visita e comentário no meu blog!

    Abraços do novo amigo!

    ResponderExcluir
  10. Minha querida

    Um regresso em grande, com um belo poema...um canto sublime de e ao amor.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir

Postar um comentário